Consepe aprova edital do Processo Seletivo 2012 da UFPA

Em 2012, a Universidade Federal do Pará (UFPA) receberá 7.631 mil candidatos e estreia dois novos cursos de graduação. O Edital do Processo Seletivo 2012 (PS 2012) será divulgado na próxima segunda-feira, 12 de setembro, no site do Centro de Processos Seletivos (Ceps), no endereço www.ceps.ufpa.br. As inscrições começam no dia 14 de setembro, junto com a Abertura da Feira Vocacional da UFPA. Já a prova elaborada pela Universidade será aplicada no dia 4 de dezembro.

 

 

Na terça-feira, 6 de setembro, o Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFPA (Consepe) aprovou o edital do Processo Seletivo 2012 da Universidade. Entre as novidades para o próximo ano, estão a criação de 675 novas vagas em 18 cursos de graduação, dois deles inéditos na UFPA: O Curso de Arquivologia e o Curso de Engenharia de Telecomunicações. O primeiro oferta 40 vagas e está ligado à Faculdade de Biblioteconomia do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas (ICSA) e o segundo oferta 40 vagas, sendo 20 matutinas e 20 vespertinas, e está ligado ao Instituto de Tecnologia (ITEC).

 

 

Entre os temas debatidos pelos conselheiros do Consepe, estavam os critérios de eliminação dos candidatos, o sistema de cotas da Universidade, a adoção da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) como 1ª Fase do certamente, a data de realização da 2ª Fase do concurso e a aplicação ou não de Línguas Estrangeiras na prova elaborada pela UFPA.

 

 

Regras do PS 2011 são mantidas - O ENEM será novamente adotado como 1ª Fase do PS 2012 da UFPA, mas desta vez a nota será padronizada pelo próprio Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Aluizio Teixeira (INEP), com critérios ligados ao ENEM. 

 

 

“A diferença em termos de valor entre a nota padronizada pelo INEP e aquela padronizada a partir dos critérios definidos pela UFPA é pequena. Porém, em relação à questão metodológica e em termos de logística, é mais pertinente adotar a metodologia definida pelo INEP à prova do ENEM, que é orientada pela Teoria de Resposta ao Item, e aplicar as nossas regras à prova que é elaborada na UFPA”, explicou Marilucia Oliveira, diretora do Cepes, durante a reunião do Consepe. Quando os alunos acessarem suas notas no site do Centro de Processos Seletivos da UFPA (Ceps), a partir deste PS, verão exatamente a mesma nota que é divulgada pelo INEP.

 

 

Os critérios de eliminação dos candidatos foram mantidos em relação aos do ano passado. Os candidatos não podem tirar nota menor que quatro na redação do ENEM, nem zerar nenhuma área de conhecimento no Exame e, na prova elaborada pela UFPA, não podem tirar mais que dois zeros nas disciplinas e devem ter 30% de acerto na avaliação. Também foram mantidas as línguas estrangeiras ofertadas na segunda fase do concurso no ano passado: Inglês, Espanhol, Francês, Italiano e Alemão.

 

 

O sistema de cotas também foi mantido. Segundo a Resolução nº 3.361, de 5 de agosto de 2005, do Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFPA (Consepe), 50% das vagas ofertadas anualmente são reservadas a estudantes que tenham cursado todo o ensino médio em escolas da rede pública de ensino e, destas, 40% são reservadas a estudantes que, no ato da inscrição, se declaram negros ou pardos e optam por concorrer neste sistema de cotas.

 

 

A Universidade, ainda, mantém a possibilidade de criação de até duas vagas a mais em todos os cursos de graduação destinadas a candidatos indígenas e uma vaga para candidatos portadores de deficiência. Estas vagas extras só podem ser ocupadas por cotistas e, na ausência de inscrição de cotistas, não serão ofertadas, conforme a Resolução nº 3.869/2009 e a Resolução nº 3.883/2009 do Consepe, respectivamente. “As vagas extras não preenchidas são automaticamente extintas, nestes casos”, explica Marilucia Oliveira.

 

 

Novas vagas e cursos: Quatro novos cursos ofertados em 2012 são permanentes da UFPA e estão ligados ao Programa de Apoio ao Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (REUNI). O Campus de Abaetetuba recebe o curso de Física com oferta de 40 vagas anuais. No município de Cametá, passará a ser ofertado, anualmente, o curso de Agronomia, com 45 vagas, e, em Belém, os cursos de Arquivologia e Engenharia das Telecomunicações ofertam 40 vagas anuais cada um.

 

 

Além destes, serão ofertados alguns cursos de flexibilização, ou seja, cursos mantidos a partir de convênios específicos e que podem ser ou não ofertados novamente nos anos seguintes. Serão ofertados os cursos intensivos de Administração (40 vagas), Ciências Contábeis (50), Turismo (50) e Licenciatura Integrada de Educação em Ciências, Matemática e Linguagens (30) no Campus de Bragança. 

 

 

Em Capanema, serão ofertados os cursos extensivos de Ciências Naturais (40), Letras – Habilitação em Língua Inglesa (30) e Letras – Habilitação em Língua Portuguesa (40) e os cursos intensivos de História (40), Matemática (40) e Administração (40). Em Senador José Porfírio, há oferta de 30 vagas no curso intensivo de Ciências Biológicas.

 

 

Anajás recebe um curso intensivo de Pedagogia, com oferta de 40 vagas. Em Portel, há oferta dos cursos intensivos de Ciências Naturais e Letras – Habilitação em Língua Portuguesa, cada um com 40 vagas. Os cursos ofertados em Anajás e em Portel estão ligados ao Campus da UFPA em Breves.

 

 

 

Serviço:

Divulgação do edital e das regras do Processo Seletivo 2012 da UFPA

Data: lançamento do edital em 12 de setembro

Início das Inscrições: 14 de setembro

Site: www.ceps.ufpa.br

 

 

Texto: Glauce Monteiro – Assessoria de Comunicação da UFPA

                           

 

 

Publicado em: 06.09.2011 22:00