Sistema de cadastro de cursos de especialização recebe propostas

O novo sistema de cadastro de cursos de pós-graduação lato sensu (especialização) está aberto até esta segunda-feira, 30, para o cadastro de novas propostas, que devem ser apresentadas, exclusivamente, por meio eletrônico.  O sistema foi lançado pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesp) em outubro de 2011.

Até esta segunda-feira, 30, o novo sistema pode receber propostas de especializações gratuitas ou autofinanciadas. Os cursos têm previsão de início para setembro de 2012. Para quem perder o prazo da submissão, o sistema abrirá novas inscrições no mês de outubro. Os cursos submetidos nesse mês deverão começar em março de 2013.

O sistema também está aberto para a submissão de propostas de cursos em convênio ou contrato com outras instiuições e, para este tipo de propostas, não há um prazo para inscrições, o fluxo será contínuo. Os interessados (coordenadores) em enviar propostas de especialização devem ter, no mínimo, o título de mestre.

Segundo João Crisóstomo, da Coordenadoria de Pós-Graduação Lato Sensu, o novo sistema de cadastro propicia uma maior interatividade com quem envia as propostas de curso. O grande diferencial do sistema, atualmente, é que, agora, ele é totalmente administrado pela Propesp, com a gerência técnica do funcionário Vitor Castro e a equipe da Assessoria de Informação e Tecnologia da (AIT)/Proeg. “Isso torna mais fáceis os ajustes no sistema, e como é a própria equipe da Propesp e a AIT que o administram e analisam as propostas de curso, podemos resolver qualquer eventual problema com maior facilidade” declara João.

Lato Sensu – De acordo com o site do MEC, a pós-graduação lato sensu compreende programas de especialização e inclui os cursos designados como MBA - Master Business. Com duração mínima de 360 horas, ao final do curso, o aluno obterá certificado e não diploma. Ademais, é aberta a candidatos diplomados em cursos superiores, que atendam às exigências das instituições de ensino - Art. 44, III, Lei nº 9.394/1996.

Apesar de não fornecerem um título acadêmico, como mestre ou doutor, os cursos lato sensu oferecidos por instituições de relevante importância, como a Universidade Federal do Pará,  são bem-vistos no mercado de trabalho. A especialização é a escolha ideal para quem deseja conciliar os estudos com suas atividades profissionais, pois possui uma carga horária menor que a de uma pós-graduação stricto sensu. Além disso, a especialização também agrada quem opta por fazer um curso com maior foco na aplicação prática dos conceitos aprendidos, melhorando, assim, a performance como profissional.

Serviço:

Clique aqui e acesse o link para a submissão de novas especializações
Mais informações no site da Propesp ou por meio do telefone (091) 3201-8077

Texto: Yuri Coelho – Assessoria de Comunicação da UFPA
Foto: Alexandre Moraes

Publicado em: 28.04.2012 18:00