Programa Jovens Talentos para a Ciência divulga resultado

Com o propósito de inserir o aluno da Universidade nas atividades de pesquisa desde o início do curso, Capes e CNPq criaram, em março deste ano, o Programa Jovens Talentos para a Ciência (JTC). A seleção de candidatos ao Programa ocorreu em abril passado e seu resultado já foi divulgado. A UFPA teve 167 alunos aprovados, com base em seu rendimento em uma prova de conhecimentos gerais. Confira aqui o resultado. 
 
Cada aluno selecionado receberá uma bolsa de R$360,00 por mês, pelo período de um ano. As atividades a serem desenvolvidas serão definidas junto com as instituições participantes do Programa. A expectativa é que os alunos tenham a oportunidade de interagir com os grupos de pesquisa instalados e realizar atividades complementares de familiarização com a ciência e o treinamento científico. Ao final de um ano, os bolsistas serão os candidatos preferenciais aos Programas de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic), Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid) e Ciência sem Fronteiras, este último voltado à realização de estágio sanduíche, pelo período de até um ano, nas melhores instituições estrangeiras.

Para o reitor da UFPA, professor Carlos Maneschy, o Programa Jovens Talentos estimula a vocação científica dos alunos de graduação e contribui, desse modo, para a formação deles. “O aluno bolsista poderá, desde cedo, conviver com um ambiente muito estimulante para o seu desenvolvimento acadêmico e científico. Para a UFPA, o Programa expande as oportunidades de formação científica na graduação, juntando-se ao Programa de Iniciação Científica que já vem experimentando grande crescimento e avanço qualitativo”. “Temos tido excelentes resultados com o Pibic e, certamente, essa será também a trajetória do Jovens Talentos”, afirma o reitor.
 
A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesp) ainda aguarda as orientações da Capes e do CNPq para proceder à formalização do registro dos alunos aprovados no Programa. Segundo o pró-reitor, Emmanuel Tourinho, “os bolsistas serão informados em breve sobre as providências para o início do estágio. Muito provavelmente, precisarão ter uma conta individual no Banco do Brasil e já devem também reservar parte de sua carga horária semanal para as atividades do Programa”. “A ideia é que esses alunos cheguem ao final do curso de graduação com uma sólida base científica e, quem sabe, candidatos aos melhores programas de pós-graduação do País”, complementa o pró-reitor.

Outras Informações sobre o Jovens Talentos para a Ciência podem ser obtidas na Diretoria de Pesquisa da Propesp, localizada no 2° andar do prédio da Reitoria.

Texto: Divulgação / Propesp
Arte: Reprodução / Google

Publicado em: 22.08.2012 20:35