Habilitação dos calouros da UFPA em Belém inicia nesta segunda

A partir desta segunda-feira, 4, até o próximo dia 19 de fevereiro, 5.798 dos 7.414 calouros aprovados no Vestibular 2013 da Universidade Federal do Pará (UFPA) devem ficar atentos aos prazos para a entrega de documentos na Universidade, processo chamado de habilitação ao vínculo institucional. Quem não apresentar os documentos escolares e pessoais solicitados, dentro do prazo, deve perder a vaga, que será disponibilizada nas “repescagens”. Cada curso tem local, data e horário especifico disponível no edital lançado no endereço do Centro de Registros e Indicadoes Acadêmicos (CIAC).

Esse grupo corresponde aos candidatos aprovados para os cursos sediados em Belém (4.128 vagas), Abaetetuba (270 vagas), Cametá (240 vagas), Marabá (600), Soure (70 vagas), Mocajuba (130 vagas) e das graduações sediadas em Tomé-Açu, Parauapebas, Baião, Limoeiro do Ajuru, Oeiras do Pará e Uruará, cada uma com oferta de 40 vagas. Os campi de Altamira, Bragança, Breves, Castanhal, Capanema e Tucuruí já realizaram a habilitação entre os dias 29 e 31 de janeiro.

Documentação - O candidato aprovado deverá apresentar os originais e as cópias dos seguintes documentos: CPF; Documento de Identidade (RG); Título de Eleitor (para maiores de 18 anos); prova de que está em dia com as obrigações militares (para homens maiores de 18 anos); Certificado ou Atestado de Conclusão do Ensino Médio ou Diploma de Conclusão do Ensino Técnico integrado ao Médio; Histórico Escolar; comprovante de residência, uma foto 3x4 recente e de frente; e cadastro acadêmico preenchido, que estará disponível nas páginas eletrônicas do CIAC e no portal da UFPA.

O diretor do CIAC, Aluízio Barros, orienta os aprovados a organizarem os documentos antecipadamente, para que não sejam prejudicados no dia da habilitação. Segundo ele, é imprescindível que o estudante compareça à UFPA durante esta convocação, pois a falta implica na perda da vaga. Os alunos da rede pública devem solicitar nas escolas o certificado e o histórico do ensino médio o mais rápido possível.

Comprovantes - “Candidatos classificados no PS 2013 na condição de cotista deverão comprovar, ainda, por meio da apresentação de original e cópia do histórico escolar, que cursou todas as séries do ensino médio em escola pública e também disponibilizamos novas informações para os cotistas que entram na Universidade pela cota escola renda e pela cota cor renda. Eles precisarão apresentar documentos que comprovem que a renda familiar per capita é igual ou inferior a 1,5 salário mínimo”, orienta Aluízio Barros.

A fim de esclarecer dúvidas a respeito da cota escola renda e cota escola cor renda o CIAC disponibiliza em seu site, orientações sobre os documentos necessários para habilitação dos aprovados nessa modalidade (Veja aqui o que precisa). Aqueles que obtiveram isenção da taxa do PS 2013 não precisam comprovar renda, mas deverão apresentar os documentos que comprovam a condição de cota escola.

“Os cotistas sociais deverão providenciar os outros documentos que comprovem a cota e levar no dia da habilitação. Os candidatos PcD já tem Edital publicado para a perícia médica, lembrando que a habilitação se dará no mesmo período para todos, e o laudo da Perícia Médica é documento imprescindível para os PcD se habilitarem”, orienta o professor Aluízio.

Habilitação e matrícula são processos diferentes - O diretor ressalta que a habilitação é a entrega dos documentos para avaliação se o aluno está apto a se matricular nas disciplinas do curso para o qual foi aprovado, ou seja, se os documentos estiverem corretos e a candidatura for deferida, o vínculo do aluno com a Instituição está garantido. Já a matrícula é o vínculo com o curso de escolha do candidato e deverá ser feita nas faculdades no período de 15 a 20 de abril para os que irão ingressar no primeiro semestre de 2013, e entre os dias 21 e 27 de agosto de 2013, para os que ingressam nas turmas do segundo semestre.

“Os aprovados devem vir se habilitar, mesmo sem todos os documentos em mãos. A habilitação será indeferida, mas ele terá até 48h a partir do dia da homologação para conseguir reunir a documentação que falta. O importante é o candidato aprovado estar presente na Universidade com todos os documentos que puder trazer e conversar conosco”, recomenda Aluízio Barros.

Repescagem e vagas remanescentes – A UFPA esclarece, ainda, que há diferença entre o preenchimento das vagas remanescentes - aquelas 228 não ocupadas pelo Processo Seletivo 2013 e que serão reofertadas em edital próprio, a ser lançado no mês de fevereiro - e as vagas de repescagem.

“A repescagem acontece diante da desistência dos candidatos aprovados ou ainda quando eles não preenchem os pré-requisitos para obtenção da vaga a que se candidataram, como no caso de um cotista que não comprova essa condição durante a habilitação. Essas vagas são preenchidas, chamando os próximos colocados na lista de classificados em cada curso, preservando as características da vaga aberta. Vagas de cotistas, por exemplo, são preenchidas apenas por cotistas”, resume Aluízio Barros. Somente após o término da habilitação, será divulgada a repescagem do PS 2013. Acompanhe pelo site do CIAC.

Texto: Glauce Monteiro – Assessoria de comunicação da UFPA.
Foto: Mácio Ferreira

Publicado em: 01.02.2013 18:50