Ir direto para menu de acessibilidade.

Seletor idioma

ptenes

Opções de acessibilidade

Página inicial > Ultimas Notícias > Museu da UFPA recebe exposição do Salão Arte Pará 2019
Início do conteúdo da página

Museu da UFPA recebe exposição do Salão Arte Pará 2019

  • Publicado: Quarta, 16 de Outubro de 2019, 17h00

 11.10.2019 Arte Pará 2019 Museu da UFPA Foto Alexandre de Moraes site4

O Museu da Universidade Federal do Pará está com visitação aberta para a exposição As Amazonas do Pará, de curadoria de Nina Matos e consultoria de Paulo Herkenhoff, que integra a 38ª edição do Salão Arte Pará. A exposição, que foi inaugurada na última sexta-feira, 11, ficará aberta até o dia 22 de dezembro, com visitação gratuita no horário de 10h às 17h, de terça a sexta-feira, e de 10h às 14h, aos sábados e domingos.

expo2Para o reitor da UFPA, Emmanuel Tourinho, hospedar o Salão Arte Pará no Museu da UFPA é sempre motivo de grande alegria. “Valorizamos muito, em nossa instituição, a arte, a formação de artistas e a divulgação da produção artística paraense. O Arte Pará tem os mesmos propósitos e há quase quatro décadas tem sido um espaço privilegiado de celebração das Artes em nosso Estado, por isso a parceria é muito valiosa. A exposição As Amazonas do Pará, em adição, oferece uma reflexão importante sobre a realidade política e social da Amazônia, na visão acurada e talentosa das artistas paraenses”, ressaltou o reitor.

 “O Arte Pará já é uma tradição para nós e, este ano, é particularmente interessante, porque estamos recebendo uma exposição com a curadoria da Nina Matos que privilegia a mulher e os artistas regionais. Esse é um fator muito importante para a divulgação e para o estímulo às artes na nossa região, conectada com os movimentos internacionais e nacionais, que sempre foi uma postura da Universidade. A Universidade é pioneira na região, no  acompanhamento, no apoio e na divulgação da arte contemporânea e moderna”, ressaltou a Diretora do Museu da UFPA, professora Jussara Derenji.

As Amazonas do Pará - A exposição busca valorizar a produção de 26 artistas mulheres paraenses que apresentam em suas obras diferentes propostas estéticas e políticas. A seleção das obras foi realizada durante três meses, por meio de curadoria participativa, que contou com auxílio, na escolha das obras, das próprias autoras.

“Esta exposição vem para evidenciar a produção das mulheres artistas paraenses. São trabalhos potentes que mostram a produção delas, o que elas estão fazendo agora, e as questões que permeiam as obras delas. O visitante vai ter uma experiência de ver obras que se articulam entre si e que se reverberam. Assuntos que são explorados por uma artista encontram ressonância em outras, tais como questões sobre o feminino, violência contra a mulher e a violência contra a natureza que a gente habita aqui, a Amazônia”, explica a curadora da exposição, Nina Matos.

expo3O salão apresenta 68 obras, que passam por pinturas, fotos, instalações e vídeos que convidam o visitante a interagir e a refletir com a percepção apresentada. “Aqui o visitante vai conhecer uma produção que é pouco conhecida, que é a das mulheres artistas paraenses. Trouxemos pessoas que são pioneiras, como a Julieta de França e Antonieta Feio, mulheres que, já no início do século, sobreviviam da arte, e temos as artistas mais contestadoras, mais batalhadoras, que discutem as questões sociais e ambientais. Então o visitante vai ver o universo feminino na visão dessas artistas regionais, e o que elas estão pensando e elaborando sobre o seu estar no mundo, no dia de hoje”, pontuou Jussara Derenji.

UFPA e Arte Pará - “Cada vez mais, o Arte Pará quer ser um espaço de reflexão da universidade. A universidade, neste Estado, é um ambiente muito importante na formação dos artistas, e nisso tem sido exemplar. Há 50 anos que os artistas se formam, em sua maioria, na universidade”, lembrou o consultor do Arte Pará 2019, Paulo Herkenhoff, durante a abertura do salão. O consultor agradeceu, ainda,  o espaço dado pela Universidade em um momento complicado para as Artes e para a Educação no País.

Já a diretora do Museu da UFPA destacou a importância de oferecer essas exposições que privilegiam os artistas locais que são sintonizados e conectados aos movimentos nacionais e internacionais. Segundo Jussara Derenji, está dentro dos princípios da Universidade e do Museu da UFPA a promoção e a valorização do artista local, o que facilita a revitalização de ideias e proporciona a renovação do repertório deles.

Arte Pará 2019 - O Salão Arte Pará também está com uma exposição disponível no Museu do Estado (MEP). Deslendário Amazônico conta com a curadoria de Orlando Maneschy e curadoria-adjunta de Keyla Sobral, e também apresenta obras exclusivamente de artistas paraenses. O MEP está localizado na Praça Dom Pedro II, s/n - Cidade Velha.

Serviço:

Mostra Arte Pará 2019 - As Amazonas do Pará

Data: Até 22 de dezembro de 2019

Local: Museu da UFPA, na Av. Governador José Malcher, 1192, Nazaré, Belém.

Texto: Maissa Trajano - Assessoria de Comunicação da UFPA
Fotos: Alexandre de Moraes

registrado em:
Fim do conteúdo da página