Ir direto para menu de acessibilidade.

Seletor idioma

PT EN ES

Opções de acessibilidade

Página inicial > Ultimas Notícias > Os filmes "Marajó das Letras" e "Ribeirinhos do Asfalto" são as próximas atrações do Cineclube TRT8/UFPA
Início do conteúdo da página

Os filmes "Marajó das Letras" e "Ribeirinhos do Asfalto" são as próximas atrações do Cineclube TRT8/UFPA

  • Publicado: Segunda, 13 de Novembro de 2017, 18h33

ribeirinhos do asfalto 01

Dois filmes paraenses fazem a sessão de novembro do Cineclube TRT8/UFPA, que ocorre nesta sexta-feira, 17 de novembro, às 8h30, no auditório da sede do Tribunal Regional do Trabalho 8a Região, em Belém. São o documentário Marajó das Letras, dirigido por Fernanda Martins e Sâmia Batista; e o filme de ficção Ribeirinhos do Asfalto, que tem direção de Jorane Castro. Os dois abordam temas diferentes, mas num universo em comum: o da cultura, modo de vida e dos saberes dos ribeirinhos da Amazônia.

embarcacoes pintura Curralinho 120417 Foto Nailana Thiely 1O documentário Marajó das Letras – os abridores de letras da Amazônia Marajoara mostra o ofício de desenhar ou “abrir” letras em barcos por meio da pintura tradicional com pincel, técnica pela qual os nomes das embarcações são pintados com letras coloridas e decoradas. O filme mostra artistas de diferentes localidades, detentores dessa técnica, alguns com conhecimento adquirido em cursos, outros com aprendizado que se deu de forma cotidiana. O documentário mostra, também, uma outra técnica muito evidente no Marajó: a pintura com pistola, conhecida na região como “grafite”, muito marcante em embarcações menores, as chamadas “rabetas”. O número de embarcações grafitadas vem crescendo, com suas artes aplicadas com pistola e estêncil, simulando efeitos e texturas diversas.

Segundo a diretora do documentário, Fernanda Martins, “o maior acesso à informação que as novas tecnologias proporcionam vai impactar a paisagem visual da Amazônia ribeirinha. A questão é como estas linguagens, as tradicionais e as inovadoras, podem coexistir de maneira construtiva. A educação e a valorização da cultura são chaves para essa relação”.  A sessão terá a presença das diretoras do documentário, que vão falar sobre o trabalho de produção do filme, que foi lançado no primeiro semestre de 2017 e está sendo exibido em festivais.

ribeirinhos do asfalto03 1Ribeirinhos do Asfalto, dirigido por Jorane Castro, também retrata a cultura ribeirinha, mas de outra forma. Por meio de uma história de ficção, cujo enredo é permeado por duas realidades próximas e, ao mesmo tempo, distantes, a de Belém e a da Ilha do Combu. Deisy é uma jovem que mora na ilha em frente a Belém, do outro lado do rio, e sonha em morar na cidade. Contra a vontade do pai, em meio às luzes que vê de sua casa na entrada da mata, com a ajuda da mãe, ela vai tentar realizar seu desejo. O filme foi lançado em 2011, quando ganhou dois prêmios no prestigiado Festival de Cinema de Gramado (RS): melhor atriz (Dira Paes) e melhor direção de arte (Rui Santa-Helena). Ribeirinhos do Asfalto já foi exibido em mais de vinte festivais nacionais e internacionais.

Cineclube - O Cineclube TRT8/UFPA é um projeto de extensão do curso de Bacharelado em Cinema e Audiovisual, da Universidade Federal do Pará, coordenado pela professora Angela Gomes, e executado em parceria com a Comissão de Erradicação do Trabalho Infantil e Incentivo à Aprendizagem, a qual é coordenada pela desembargadora Maria Zuíla Dutra e pela juíza Vanilza Malcher.

As sessões mensais reúnem, em média, duzentos alunos de escolas públicas da Grande Belém, que fazem parte das ações do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil e Incentivo à Aprendizagem. Ao final de cada filme, os participantes realizam um debate sobre as temáticas apresentadas, com mediação da equipe do Tribunal e do curso de Cinema e Audiovisual da UFPA. A atividade também é aberta aos servidores do TRT e ao público em geral.

Serviço:
Cineclube TRT8/UFPA
Data: 17/11/2017 (sexta-feira)
Horário: 8h30
Local: Sede do TRT8 - Auditório Aloysio da Costa Chaves, Trav. D. Pedro I, 746 – Praça Brasil – Umarizal

Texto: Divulgação
Fotos: Marcelo Lélis (Ribeirinhos do Asfalto) e Nailana Thiely (Marajó das Letras) 

registrado em:
Fim do conteúdo da página